IMAGEM FM
Câmara de Pinhel aprova orçamento de 26 milhões para 2021

O município de Pinhel aprovou o Orçamento para 2021 no montante de 26 milhões, que inclui vários investimentos estruturantes, tendo as empresas e as famílias como prioridade.

Para o presidente da Câmara, Rui Ventura, trata-se de «um orçamento arrojado e a pensar no futuro» do concelho, «que vem dar continuidade ao projeto iniciado há sete anos. Contempla vários os investimentos estruturantes, como a ampliação da Zona Industrial, a construção da Avenida Cidade do Vinho e Centro Intermodal (ponto de interface entre um Parque TIR e uma área de circulação pedonal). A construção da nova Biblioteca Municipal, do Centro de Bem-Estar Animal, do projeto “Ver e Sentir o Falcão” (que integra a construção da falcoaria e de um conjunto de miradouros ao longo do rio Côa) e o Parque de Caravanismo são outros dos projetos previstos.

Segundo Rui Ventura, «quanto mais adiantados e preparados estivermos, em melhores condições estaremos de aproveitar as oportunidades que possam vir a surgir, tanto mais com o benefício de termos uma execução de 97,5 por cento dos projetos que vimos aprovados, o que mostra responsabilidade e dá maturidade aos projetos que apresentaremos no futuro».

Obras de Catarina Flor e Nuno Aparício para ver no Museu da Guarda

O Museu da Guarda inaugurou duas exposições dos jovens artistas guardenses Catarina Flor e Nuno Aparício na galeria de arte Evelina Coelho, no Paço da Cultura.

As mostras resultam da Bolsei-Arte, uma iniciativa de apoio à experimentação artística promovida pelo Aquilo e pela empresa 02S, em parceria com o programa Incentiv[Art], a incubadora de projetos artísticos dinamizada pela Câmara da Guarda. Em “Cres(Ser)”, Catarina Flor explora questões do foro ontológico e das respostas obtidas extraiu «uma introspeção entre o que é estar vivo e o que é o Ser». Por sua vez, Nuno Aparício apresenta um trabalho de pintura interativa baseado no diálogo entre tecnologia e arte. Assim, em “Experiência Interativa com a obra artística”, o público poderá relacionar-se com as obras expostas através de uma narrativa auxiliar. As duas exposições ficam patentes até 22 de janeiro de 2021.

Covid-19: Parlamento aprova prolongamento do estado de emergência

A Assembleia da República renovou hoje, com os votos favoráveis do PS, PSD e da deputada não inscrita Cristina Rodrigues o estado de emergência para permitir medidas de contenção da covid-19.

Votaram contra PCP, PEV, Chega e Iniciativa Liberal.

Abstiveram-se Bloco de Esquerda, PAN, CDS e a deputada não inscrita Joacine Katar Moreira.

O decreto renova o estado de emergência po 15 dias, mas sinaliza já outro prolongamento, até 07 de janeiro, permitindo assim ao Governo adotar medidas abrangendo o Natal e Ano Novo.

Portugal com mais 79 mortos provocados por covid-19 e 4.935 novos casos de infeção

Portugal contabiliza hoje mais 79 mortos relacionados com a covid-19 e 4.935 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 4.803 mortes e 312.553 casos de infeção pelo novo coronavírus, estando hoje ativos 73.712 casos, menos 164 do que na quinta-feira.

Relativamente aos internamentos hospitalares, o boletim epidemiológico da DGS revela que estão internadas 3.295 doentes, menos 35 do que no dia anterior, dos quais 526 em cuidados intensivos, mais um.

Neve corta estradas na serra da Estrela

O IPMA prevê para hoje “aguaceiros, sendo de neve acima de 1.400/1.600 metros no Norte e Centro, descendo gradualmente a cota para 600/800 metros”.

As estradas de acesso ao maciço central da serra da Estrela estão hoje de manhã encerradas devido à queda de neve e às condições climatéricas adversas, disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Castelo Branco.

Segundo a fonte, às 09h20, apenas se encontrava transitável o troço Covilhã/Piornos.

A circulação estava proibida nos troços Piornos/Cruzamento da Torre, Cruzamento da Torre/Torre e Cruzamento da Torre/Lagoa Comprida, Lagoa Comprida/Sabugueiro, Sabugueiro/Cruzamento de Gouveia/Penhas Douradas/Manteigas e Manteigas Covilhã, não havendo previsões quanto à reabertura.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para hoje “aguaceiros, sendo de neve acima de 1.400/1.600 metros no Norte e Centro, descendo gradualmente a cota para 600/800 metros”.